Os testemunhos de conexão («cookies») são pequenos elementos de informação (ficheiros de texto) armazenados no computador do utilizador e utilizados em grande escala pelos fornecedores de serviços em linha para vários fins


1::Podem conter um vírus informático que infeta posteriormente o computador.
1::A recolha de dados armazenados no meu dispositivo.
3::A recolha de dados pessoais, bem como o risco de disfarce de identidade pessoal.

Esta afirmação é incorreta. Os testemunhos de conexão não são uma forma de software mal-intencionado e não suscitam qualquer problema de segurança deste tipo específico (ou seja, vírus informático), uma vez que os mesmos são apenas ficheiros de texto. No entanto, os testemunhos de conexão poderiam suscitar as seguintes preocupações relacionadas com a segurança e a privacidade:

  • Recolha de informações sobre as preferências/comportamento do utilizador (por exemplo, sítios Web visitados). Por conseguinte, a definição de perfil do utilizador é possível.
  • Recolha de informações de caráter privado por desvio de sessão.
  • Disfarce de identidade pessoal dos utilizadores que conduz ao início de sessão nas contas respetivas de forma mal-intencionada (por exemplo, conta bancária, conta de correio eletrónico, etc.).
  • Alteração de informações úteis (por exemplo, resultados de pesquisa).

Por conseguinte, a resposta correta é a recolha de dados pessoais, bem como o risco de disfarce de identidade pessoal.

 

Para mais informações, consultar o seguinte endereço:

https://www.enisa.europa.eu/publications/copy_of_cookies

 

Esta afirmação é incorreta. Os testemunhos de conexão poderiam suscitar as seguintes preocupações relacionadas com a segurança e a privacidade:

  • Recolha de informações sobre as preferências/comportamento do utilizador (por exemplo, sítios Web visitados). Por conseguinte, a definição de perfil do utilizador é possível.
  • Recolha de informações de caráter privado por desvio de sessão.
  • Disfarce de identidade pessoal dos utilizadores que conduz ao início de sessão nas contas respetivas de forma mal-intencionada (por exemplo, conta bancária, conta de correio eletrónico, etc.).
  • Alteração de informações (por exemplo, resultados de pesquisa).

Por conseguinte, a resposta correta é a recolha de dados pessoais, bem como o risco de disfarce de identidade pessoal.

 

Para mais informações, consultar o seguinte endereço:

https://www.enisa.europa.eu/publications/copy_of_cookies

 

Esta é a resposta correta. Mais precisamente, os testemunhos de conexão poderiam suscitar as seguintes preocupações relacionadas com a segurança e a privacidade:

  • Recolha de informações sobre as preferências/comportamento do utilizador (por exemplo, sítios Web visitados). Por conseguinte, a definição de perfil do utilizador é possível.
  • Recolha de informações de caráter privado por desvio de sessão.
  • Disfarce de identidade pessoal dos utilizadores que conduz ao início de sessão nas contas respetivas de forma mal-intencionada (por exemplo, conta bancária, conta de correio eletrónico, etc.).
  • Alteração de informações (por exemplo, resultados de pesquisa).

 

Para mais informações, consultar o seguinte endereço:

https://www.enisa.europa.eu/publications/copy_of_cookies

 


tais como ter em conta as preferências do utilizador (língua, cores de fundo, etc.), para identificar o utilizador quando recorre a uma lista de compras, etc. Desta forma, os testemunhos de conexão têm, de facto, funções positivas (por exemplo, ajudam a evitar a necessidade de o utilizador ter de se identificar repetidamente).

 

No entanto, os testemunhos de conexão também suscitam algumas preocupações relacionadas com a segurança e a privacidade, por exemplo...